Construindo um mundo melhor

ESCOTEIRA RECEBE O 2º LUGAR COM O PREMIO JOVEM VOLUNTÁRIO DE 2012 EM PRESIDENTE PRUDENTE.

11/12/2012 00:00

Foram sete meses de trabalho, aproximadamente 50 projetos voluntários inscritos, cinco deles selecionados e, por fim, três classificados e considerados de maior impacto social na comunidade.

 

ESCOTEIRA RECEBE O 2º LUGAR COM O PREMIO JOVEM VOLUNTÁRIO DE 2012 EM PRESIDENTE PRUDENTE.      Resumidamente assim dá para explicar o desenrolar de como foi à segunda edição do projeto "Prêmio Jovem Voluntário 2012", que na manhã desta terça-feira (04/12) consagrou como exemplos, e premiou com bolsas de estudos, três jovens prudentinas no Gabinete do Paço Municipal Florivaldo Leal. São elas: a vencedora Maria Beatriz Souza França, da Infância Missionária da Paróquia Nossa Senhora do Carmo, na Vila Maristela; Pamela Amaral Costilho Jorge, do Grupo de Escoteiros Guayporé, que terminou na segunda colocação; e Renata Novaes Pardim, terceira colocada e voluntária no programa Escola da Família, na Escola Estadual Professora Marietta Ferraz de Assumpção.

 

      Durante o reconhecimento pela dedicação ao próximo, elas foram certificadas e premiadas pelo prefeito Milton Carlos de Mello "Tupã", pelo assessor municipal da Juventude, Juliano Borges, pela presidente da Central de Voluntários em Ação de Prudente, Antônia Maria Braz, e pelo proprietário da Cultura Inglesa, Ricardo Strabelli Sanvezzo. A escola de idiomas foi quem forneceu as três bolsas de estudos de Inglês com material didático incluso. A primeira colocada recebeu a mais expressiva delas, a bolsa integral regular válida pelo período de um ano. Já as outras duas, receberam cada uma, respectivamente, bolsas para um semestre regular.

      O Prêmio Jovem Voluntário 2012, desenvolvido pela Assessoria Municipal da Juventude e Central de Voluntários em Ação, com apoio da Cultura Inglesa, teve como principal proposta fomentar o voluntariado juvenil, e ao mesmo tempo fortalecer as ações já desenvolvidas no município por jovens com idades entre 15 e 19 anos. "Um trabalho importante que serve inclusive como referência e incentivo para outros jovens que tenham interesse no trabalho voluntário. Sem contar que além de ajudar ao próximo, o jovem que se dedica a esse tipo de trabalho também tem a possibilidade de criar sua própria networking, rede de contatos. Isso é muito importante para quem está se desenvolvendo profissionalmente", ressaltou.

 

      Ao tomar conhecimento de cada um dos trabalhos premiados, o chefe do Executivo fez questão de enaltecer e parabenizar o esforço e dedicação de cada uma, por priorizarem, segundo ele mesmo diz, "políticas públicas diferentes". "Sempre foi tradição nesse cenário do voluntariado, pessoas mais velhas, já formadas e estabelecidas na vida, se dedicarem ao trabalho voluntário. Vocês [premiadas] estão provando o contrário, que o jovem também almeja transformações sociais a fim de melhorar nossa sociedade", elogiou, destacando ainda uma triste realidade existente no Brasil.

      "Muitas pessoas se omitem diante de uma situação dessas, alegam que a prestação de serviços para a comunidade é de responsabilidade e de obrigação do poder público. As pessoas precisam entender que o poder público muitas vezes não consegue fazer nada sozinho. O bom exemplo, além desses jovens, vem também da Cultura Inglesa. Mesmo o Ricardo tendo sua vida empresarial, mostra por meio dessa parceria seu trabalho voluntário. Por isso assim como o Terra Parque, a sua empresa também tem nossa admiração e merece nossos agradecimentos", completou Tupã, citando o Eco Resort em razão da mesmo ter sido parceiro no projeto Diálogos da Juventude.

 

      Assim como o prefeito, a presidente da Central de Voluntários em Ação também destacou a importância do voluntariado juvenil para um futuro cada vez melhor. "É uma alegria poder ver o jovem se dedicar ao trabalho voluntário, mesmo porque essa era uma de nossas dificuldades. Sempre tínhamos interesse por parte de pessoas da chamada "melhor idade". Com esse despertar mais cedo, acreditamos cada vez mais num mundo melhor", opinou.

      O proprietário da escola de idiomas, por sua vez, se manifestou favoravelmente aos resultados alcançados na empreitada. "É uma honra fazer parte do Prêmio porque se trata de um projeto bem organizado e relevante. A gente acredita muito na importância de se incentivar o voluntariado, pois sabemos que é uma forma de incentivo que desperta no jovem o civismo e a cidadania", argumentou Sanvezzo.

 

      Trabalhos " Terceira colocada no prêmio, Renata Pardim surgiu no projeto Criança Cidadã, se destacando na modalidade karatê. Talento no tatame, ele cresceu e se tornou professora voluntária no programa Escola da Família na Escola Estadual Professora Marietta Ferraz de Assumpção, onde atualmente ensina o esporte para crianças e adolescentes. "Há 12 anos sou voluntária, e isso vem me engrandecendo muito como pessoa", destacou.

      Já a segunda colocada, Pamela Jorge, desenvolveu um trabalho que perdurou seis meses na escola estadual Professor Joel Antônio de Lima Genésio, no Jardim São Gabriel. "Nesse período, pude ensinar noções de princípios e valores para crianças que estudam lá, inclusive àquelas com necessidades especiais. Sempre aos sábados. E o mais legal, é que dali já saiu uma criança que hoje já está inserida no Guayporé", contou.

 

      Por fim, a vencedora do prêmio, Maria Beatriz França, surpreendeu a comissão julgadora por ensinar noções de valores para crianças e adolescentes da Vila Maristela. O ensinamento ocorre por meio de atividades religiosas, recreativas e esportivas, sempre aos sábados. "São crianças com idades entre cinco e 10 anos. O fato do meu projeto ter se destacado me deixou muito surpresa e feliz, pois é um reconhecimento daquilo que faço com muito prazer e dedicação", contou. Orgulhosa, a mãe dela, Marisa Xavier, se emocionou ao saber que a filha foi a vencedora do prêmio. "É muita emoção e um grande incentivo para a Maria Beatriz. Dedicada ao próximo, ela já atua nesse projeto um ano. Pela pouca idade que tem, isso nos contenta e nos enche de orgulho", encerra.

Fonte: Secretaria Municipal de Comunicação

Envie-nos a sua avaliação!! Você que já conheceu os nossos serviços, tem algo a dizer sobre nós? Por favor, não hesite em nos enviar seus comentários para que possamos continuar a aprimorar nosso trabalho e atendimento, para isso, basta acessar a guia "CONTATO".

Pesquisar no site

Contato

Grupo Escoteiro Guayporé Cidade da Criança - Casa do Escoteiro
Rodovia Raposo Tavares, S/N, Km 561,5
Presidente Prudente
19063-005
(18) 99770-3100 - Marcelo
(18) 99742-6371 - André
(18) 3909-1095 - Fernanda

Novidades

09/12/2017 00:00

Escoteiro Guayporé encerra as atividades do ano com Acamgrupo

O grupo Escoteiro Guayporé iniciou na tarde deste sábado, (09), o Acamgrupo, ação que tem por objetivo fortalecer e integrar todos os membros, além de proporcionar brincadeiras e momentos de reflexão para os participantes.   As atividades foram iniciadas às 13h com a Promessa Escoteira,...
15/10/2017 01:00

Grupo Escoteiro Guayporé revitaliza sede após trabalho árduo

O Grupo Escoteiro Guayporé 186/SP, de Presidente Prudente, revitalizou a sede após um ano de trabalho e celebrou a finalização do projeto com uma cerimônia neste sábado (7), que contou com a presença do vice-prefeito da cidade, Douglas Kato, do gerente administrativo financeiro do complexo...
07/10/2017 00:00

Guayporé entrega revitalização da Casa do Escoteiro e agradece parceiros

O Grupo Escoteiro Guayporé realizou a entrega da revitalização da Casa do Escoteiro neste sábado, (07). A solenidade contou com a presença do vice-prefeito de Presidente Prudente, Douglas Kato, do gerente administrativo financeiro da Cidade da Criança, Ubirajara Veneziani e de participantes do...
31/08/2017 00:00

Câmara homenageia centenário de Presidente Prudente com participação de escotista

A Câmara dos Deputados homenageou em sessão solene, nesta sexta-feira (25), os 100 anos de emancipação político-administrativa do município de Presidente Prudente (SP). O discurso foi feito por Marcelo Costilho Jorge, diretor presidente do G.E. Guayporé e presidente da comissão dos 100 anos de...
29/08/2017 00:00

Festival de Pipas: Para patrocinadores, evento foi "perpetuado"

O evento foi “perpetuado”. Essa é a declaração e impressão repassada pelos patrocinadores que apoiaram o 32º Festival de Pipas Raul Albieri, no último domingo. Apesar de ser uma realização de O imparcial, com a FCT/Unesp (Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Estadual Paulista) e...